João Martins é o novo presidente da CNA

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) está sob o comando de João Martins da Silva Júnior, que também preside a Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia (FAEB). Antes de assumir o cargo de ministra da Agricultura, a senadora Kátia Abreu licenciou-se da presidência da CNA, passando o comando ao primeiro vice-presidente.

joaomartinsJoão Martins já acumula larga experiência na condução da CNA. Na primeira vice-presidência desde 2012, foi ele quem esteve à frente desta Confederação durante os quatro meses da campanha presidencial de 2014, quando recepcionou os três principais candidatos à presidência da República na sede da entidade, em Brasília, em sabatina sobre as demandas do setor agropecuário, o mais dinâmico da economia nacional.

Formado em Administração de Empresas, o novo presidente da CNA tem forte ligação com a atividade pecuária há mais de 50 anos. Sua trajetória de vínculo com o setor começou na geração anterior à dele, ainda na década de 1940, tempos em que João Martins, pai, abatia bois para abastecer o mercado de Salvador. Já nos anos de 1970, firmou-se como produtor de leite na Fazenda Grande Vista, em Feira de Santana, interior da Bahia. Foi fundador e 1º tesoureiro da Central de Cooperativas de Leite da Bahia (CCLB) e presidente interino da Associação Baiana de Criadores (ABAC).

Na década de 1980, assumiu uma diretoria e também a primeira vice-presidência da FAEB. Depois de um breve afastamento de cinco anos, retornou em 2000 para assumir a presidência da FAEB, cargo que ocupa até hoje. É também presidente e acionista da Agropecuária João Martins S/A; presidente do Conselho Administrativo do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR-BA); membro do Conselho Deliberativo do SEBRAE Nacional, como representante da CNA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>