Cresce interesse da China por carne ovina

china

Assim como com aconteceu com a carne bovina, a exportação de carne ovina australiana cresceu 130% para a China, se comparado com o mês de fevereiro do ano passado, o segundo maior volume mensal depois de dezembro de 2012. Surge aí, um novo mercado para o criadores de ovinos brasileiros, que de alguma forma, podem competir com os australianos.

Quase toda a carne ovina exportada em fevereiro foi de produtos congelados, com apenas 22 toneladas de carne sendo resfriada. Os cortes populares enviados à China em fevereiro foram peito e flap, com aumento de 53% com relação ao ano anterior, para 3.326 toneladas, e de carnes processadas, aumento de 31%, para 819 toneladas.

As exportações de carcaça durante fevereiro também aumentaram para 1.522 toneladas de apenas 4 toneladas em fevereiro de 2012, com grande parte de carneiros, que não teve envios em fevereiro de 2012. A demanda por shoulder de cordeiro permaneceu forte, em 740 toneladas, de apenas 42 toneladas em fevereiro do ano passado.

Os preços atacadistas da carne ovina na China em fevereiro alcançaram níveis recordes, de 52,35 yuan (US$ 8,33), aumento de 16% com relação ao ano anterior.

Com informações de Stock and Land.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>