ASPACO busca apoio do Governo de São Paulo para fortalecimento da ovinocultura

SAM_9913_1O presidente da ASPACO e da ABCOS, Bruno Garcia Moreira e o presidente da ABC Dorper, Paulo Franzine, por intermédio do deputado estadual Itamar Borges (PPS), se reuniram com o secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, nesta segunda-feira (30), na sede da Secretaria, em São Paulo. Na ocasião, o presidente da ASPACO solicitou o apoio do Governo do Estado para o fortalecimento da ovinocultura paulista, sobretudo no que tange a cadeia produtiva da atividade.

“É preciso que haja um diagnóstico, mapeamento e quantificação da ovinocultura paulista, desde a produção nas propriedades até a chegada da carne de cordeiro para o consumidor. Esse é um trabalho fundamental, no qual é possível ter como parceiras as cooperativas, a indústria, o SENAR, o SEBRAE, tudo capitaneado pela ASPACO e o Estado”, explicou Garcia Moreira.

SAM_9907_1“O Governo do Estado de São Paulo precisa estar mais envolvido com a ovinocultura paulista. Os produtores querem vender e a indústria está ávida por cordeiros. Aqui estão animais de excelente qualidade genética. Com o objetivo de incentivar e fomentar a ovinocultura paulista, a ABC Dorper, em parceria com a ASPACO, pretende criar um projeto em conjunto com o Estado. O principal objetivo é disponibilizar aos criadores de rebanho comercial a melhor genética ovina de São Paulo, fornecendo sêmen de reprodutores comprovados para garantir a melhora do rebanho comercial, com apoio do Estado. Para iniciar, a ideia é fazer dois projetos pilotos, sendo um deles na região de Jales e outro muito provavelmente na Região de Bauru”, disse Franzine.

O secretário de agricultura se comprometeu em atender aos pedidos da ASPACO, sobretudo na Câmara Setorial de Ovinos. “O Estado de São Paulo acredita que a ovinocultura tem que ser umas das prioridades da pecuária paulista. Acredito que a gente deve começar pela Câmara Setorial, vamos ajustá-la para que possam estar presentes todos os envolvidos da cadeia produtiva. Talvez, possamos ter como exemplo o trabalho que vem sendo realizado pela Associação Brasileira de Suinocultura”, disse Jardim.

O representante do Governo paulista também afirmou estar empenhado na formalização de parcerias. “A Secretaria está formalizando um convênio muito grande relacionado aos Recursos Humanos, com o SEBRAE de São Paulo e acredito que seja um bom caminho para que possamos ajustar uma parceria com o SEBRAE para os produtores. Na assistência técnica, podemos conversar com o SENAR e o CATI. Dessa forma, acredito que seja o início de um bom trabalho que será realizado”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>